Baseado na transcrição do vídeo gravado por Nilton Schutz em 05/dezembro/2018

 

Salve pessoal!

 

A reflexão astrológica desta semana corresponde ao período do dia 5 o dia 11 de dezembro.

 

Tema: Resgatar Carmas e criar um novo.

 

Inicialmente vamos entender por que esse tema.

Quando falamos de Carma, estamos falando de uma energia que corresponde a uma grande lei que não é a lei humana. Ela representa a força de causa, lei e efeito que ininterruptamente vivemos.

 

A todo momento, através de tudo que projetamos e de tudo que fazemos, estamos gerando uma energia. Pode-se chamar de Carma.

Carma é a lei que, de acordo com o que nos carregamos, teremos que descarregar.

 

Neste ano de 2018, precisamente em novembro, tivemos a mudança de dois pontos astrológicos que estão associados à Lua: são chamados de uma forma mais mística de cauda e cabeça do dragão ou de uma forma mais técnica nós podemos chamar também de nodo norte e nodo sul.

São duas forças, dois pontos (não são dois planetas) que estão associados ao movimento da Lua ao redor da Terra.

 

A Lua tem um movimento inclinadinho ao redor da Terra, portanto em um momento ela desce e chega até as profundidades do seu movimento. Depois, ela tem a sua ascensão.

 

Com isso, temos dois pontos: um ponto associado à descida e um ponto associado à subida. Isso é chamado de cauda e cabeça do dragão.

 

Agora em novembro tivemos o ingresso desses dois pontos no eixo de Câncer e Capricórnio, que são dois signos importantíssimos se pensarmos no sentido da evolução.

 

Como dizem os grandes mestres, os deuses entram na terra através de Câncer e saem através de Capricórnio.

 

Isto não é para ser levado através de signos pessoais, pense nos trópicos da Terra:

 

Temos no hemisfério norte o trópico de Câncer onde praticamente começou toda evolução, depois aqui no sul, temos o trópico de Capricórnio (inclusive quando se anda pela Dutra, aqui em São Paulo, tem ali a passagem do trópico de Capricórnio porque representa o final de tudo).

 

Por isso que nós, brasileiros, representamos uma mistura geral de tudo o que aconteceu no oriente. É o chamado de resgate cármico, daí o título que eu falei.

 

Precisamos compreender que o movimento desses pontos lunares passou por esse eixo de Câncer e Capricórnio no ano 2000, praticamente 18 anos atrás.

 

Esses pontos ficam em um eixo durante o período de um ano e meio. Então, olhe bem o que estamos projetando para nós agora. Temos que ter muita atenção neste momento que iniciou praticamente agora em novembro.

 

Como eles ficam um ano e meio nessa energia, vão sair desse eixo somente na metade de 2020.

 

Neste momento já teremos passado por uma grande conjunção astrológica que ocorrerá no signo de Capricórnio, que representa o final em relação ao nosso próprio trópico.

 

Estamos fazendo hoje uma reflexão que é semanal, mas pra gente pensar de uma forma mais longínqua, como vocês perceberam.

 

Temos o trópico de Capricórnio passando pelo Brasil, em 2020 ocorrerá uma grande conjunção… Na minha visão, acredito que teremos grandes transformações.
Que elas sejam fluentes e não tão rigorosas!

 

Estas transformações em 2020 iniciam-se no ano novo astrológico (quando o Sol ingressa no signo de Áries).
Teremos Plutão, Saturno, Júpiter e por fim Marte que é o último a ingressar ali e fazer uma grande conjunção com todos esses planetas.

 

Agora você pergunta: “e eu com tudo isso?”

 

É um momento que pra todos, independente dos signos, fazer a nossa parte.
Já expliquei a especialidade desses dois pontos ligados à nossa evolução…

 

Nós temos a evolução coletiva? Sim, mas cada um tem que fazer a sua parte no sentido individual, se não o coletivo não existe.

 

O que pode acontecer a partir desse finalzinho de ano até o meio de 2020?

 



ESTUDE COM NILTON SCHUTZ

CONHEÇA OS CURSOS ONLINE



CAUDA DO DRAGÃO – NODO SUL (APRISIONAMENTO)

 

A prisão ou a cauda do dragão está no signo de Capricórnio.
Procure projetar o que você tem (principalmente como objetivos e metas mais longínquos) um caminho certeiro, um caminho que você tenha prudência, responsabilidade, disciplina… E não ficar apostando em coisas desgastadas.

 

Seria em uma brincadeira, os seus objetivos e metas como uma montanha. Capricórnio é o caprino, cabritinho que sobe a montanha.

Como ele representa a parte correspondente à cauda do dragão neste período de um ano e meio, seria como se você demorasse todo esse tempo para subir uma montanha e quando chegar no topo você falar: “subi a montanha errada”.

 

Portanto é o momento de observarmos com muita calma.

 

Devemos observar com muito critério pra onde objetivamos a nossa vida e onde temos o nosso verdadeiro foco do que queremos realmente ser como seres humanos individuais.
Sendo também o brasileiro, que fará correspondência com toda essa realidade mundial.

 

Ou mesmo onde você estiver, seja brasileiro ou não, isto é cobrado para toda a humanidade.

 

Se você continuar apostando em caminhos desgastados e caminhos que não tem nada a ver com você, então existe um aprisionamento.

 

CABEÇA DO DRAGÃO – NODO NORTE (LIBERTAÇÃO)

 

Já a libertação ou a cabeça do dragão está no signo de Câncer, que é um signo muito associado ao passado, ele representa própria regência da Lua.

 

Podemos entender essa energia com a força da Lua regendo Câncer, sendo que a Lua representa o passado e a ancestralidade, a família… Por isso que o trópico de Câncer está ali no hemisfério norte!

Logo, é um momento no sentido pessoal de observarmos o que emerge de energias do passado e o que emerge dentro do seu ser, como coisas que você realmente aprendeu, que você entendeu os recados que foram dados nesses 18 anos desde a virada em 2000 quando aconteceu o mesmo momento astrológico nesse eixo.

 

 

Como também, forças que teve um aprendizado neste passado e que ainda emergem hoje. Neste caso, ainda deve compreender o porquê de terem acontecido determinadas coisas na sua vida.

 

Fazendo resuminho dessa força de resgate cármico que começa agora no final do ano:

 

  • não pegue caminhos errôneos e aposte durante esse tempo, porque em 2020 você pode se dar mal e quando estiver no cume falar: “vou ter que descer tudo de novo e começar do zero”.

 

Muito critério, muita prudência para não ficar amarrado em causas, objetivos e metas desgastados.

 

Por fim, o signo de Câncer como libertação (onde está a cabeça do dragão) faz com que todos revisitemos o nosso passado observemos o que a gente errou, e agora nós acertamos.

 

Observar as energias do passado que emergem porque ainda devem ser vividas, ainda devem ser cultuadas… É preciso reparar em relação à sua vida e tudo que você está experienciando.

 

Desta forma então, resgatar o carma que iniciou exatamente neste final de 2018 indo até a metade de 2020. Isso é para todos os signos, independente de você estar ligado à energia de Câncer e Capricórnio

 

Agora, as dicas finais:

 

Todos os desafios, a energia do Sol sagitariano totalmente desafiado com Netuno e Marte (podendo causar ilusões, fantasias infundadas) está muito forte.

 

Assim como a oposição de Vênus com Urano, que pode fazer com que ajamos com arrogância com pessoas e situações que interagimos, onde na verdade deveremos procurar ser um pouco mais ousados, mas nunca esquecendo a energia da polidez.

 

Agora, uma boa notícia para todo mundo:

 

MERCÚRIO DEIXA SUA RETROGRADAÇÃO (SEXTA FEIRA – DIA 7)

 

Mercúrio retrógrado finalmente, depois de vinte e poucos dias, sai da sua retrogradação no dia 7.

 

Todas as coisas que estavam confusas no sentido da comunicação, da troca de ideias e da informação tendem à aliviar um pouco.

 

Eu mesmo passei por situações aí bem engraçadas neste período. Dia 6 nós vamos ter a libertação de Mercúrio, no finalzinho da tarde para o comecinho da noite.

 

Dia 7 é o dia onde poderemos falar que dá para entender melhor o que está chegando para nós e expressar melhor o que realmente se busca ou quer passar.

 

Junto disso, dia 7, teremos um momento fantástico! Por isso que eu falei, resgatar Carmas e criar um novo.

 

Dia 7 temos a Lua nova, o Sol junto da Lua estarão no signo de Sagitário.
Isso fará com que tudo isso que foi dito, com atenção, comece a disparar a sua flecha.

 

Pois o centauro já sabe a sua mira, já pode criar o novo.

 

Aproveite esse momento de criação que estará presente à partir do dia 7 com a Lua nova e ponha os seus objetivos e metas em prática, cuidando das fantasias e observando durante um bom tempo, mas já com início agora, todos esses Carmas e energias que podem ser resgatados e sublimados.

Mercúrio retrógrado está saindo do seu ponto de perturbar muita gente (inclusive este que vos fala), você pode criar coisas novas associadas à sua vida.

 

Fique ligado que o movimento dos astros está sempre nos trazendo, de acordo com o que experienciamos, energias fluentes e também desafiadoras.

 

Mas, quem conecta ao desafio e à fluência é a sua consciência e seu livre arbítrio.

 

Grande beijo na sua mente no seu coração, até a próxima.



Participe da Palestra Presencial neste Domingo 09/12: 

Cabala 2019 – Geburah

Conexão com a bravura de Marte

SAIBA COMO PARTICIPAR