Signos opostos – Entenda como os signos à 180° graus do seu podem influenciar na sua vida.

Transcrição do vídeo gravado por Nilton Schutz em 04/Junho/18

Hoje vamos conversar um pouco sobre os signos opostos. Sabiam que nós não somos somente o nosso signo pessoal?

 

Desde pequenos conhecemos os signos por conta da nossa data de nascimento, mas no papo de hoje, vamos nos apoiar no princípio hermético da Polaridade, onde nada é único e tudo tem o seu oposto. E obviamente na Astrologia também funciona assim.

 

Temos uma tendência muito grande em ter um pouco do nosso signo oposto em nós, pois, é através da polaridade que recebemos as experiências que estão associadas ao nosso desenvolvimento.

 

Quando falamos de astrologia, nos referimos a observação do céu, os posicionamento dos planetas, e através disso conversamos sobre o que está sendo projetado em nós.

A astrologia adota o sistema geocêntrico, ou seja, a Terra como centro. Por exemplo, se nascer uma criança em Junho, ela será do signo de Gêmeos, que é onde está o sol astrológico.

 

Quando falamos de deuses, de anjos, a primeira coisa que vem na nossa cabeça é a realidade celeste. Será que, assim como nós observamos o céu, o céu também nos observa?

Não tenha dúvida que sim. Chamamos isto de eflúvios cósmicos ou celestes.

Estas forças celestes observam a Terra, de onde são emanados seus eflúvios, onde enxergarão exatamente  signo contrário ou a 180° graus de nós.

Se você pegar um mapa astrológico , no meio não tem nada, mas é ali que está o nosso planeta terra. Se observar em linha reta verá que existem as polaridades dos signos.

 

Resumindo:

Você nasceu com a coagulação astral de um determinado signo onde estava o Sol astrológico no momento do seu nascimento. Como se isto fosse você observando o céu. Porém, quando o céu te observa, eles estariam olhando para o planeta Terra em outro signo ou o que está a 180 graus de você. Como se fosse um espelho. É aí que aplicamos a regra da polaridade.

São 6 eixos fáceis de se entender, um signo tem como complemento o outro e vice-versa. Vamos detalhar um pouco estas polaridades e falar sobre suas características a serem trabalhadas. Lembrando que tudo que for detalhado aqui não é uma regra nem receita pronta, e sim uma tendência!

Se a astrologia representa os eflúvios cósmicos que nos projetam para que desenvolvamos potencialidades, fluências e desafios uma determinada energia, que é o que a astrologia de uma forma comum tanto fala, uma energia de realização ou terrena está no seu signo oposto.

 

Por exemplo: Uma pessoa que nasce sob os auspícios de Áries, para ter uma boa força de realização, precisa trabalhar o signo de Libra que também está nela.

 

ÁRIES – LIBRA

O signo de Áries tem muita obstinação de correr atrás das coisas, do que quer, de ter iniciativa e dinamismo.
O signo de Libra funciona muito mais se relacionando do que sozinho. Libra é mais a paz, o equilíbrio, diplomacia, e também os relacionamentos de forma geral. Já Áries o oposto. Áries é mais ele, não pensa muito no todo.


Não pensem que um é ruim e o outro é bom, não é isso, os dois se complementam. Um é a paz o outro é a motivação, a movimentação pura.
O Ariano, precisa aprender a realizar trabalhando a força de Libra, se relacionando com pessoas e situações que tenham a ver com ela. Assim, como o Libriano só aprenderá a produzir com a paz dele se entrar nos auspícios de Áries. Aprender a ter mais iniciativa e não ser tão indeciso.

 

TOURO – ESCORPIÃO

 

O signo de Touro é um signo de terra. É o signo que mais tem a energia voltada para a firmeza, solidez, estrutura.
O signo de Escorpião não. Ele vem mais para dissolver a energia, para se transformar, para se reciclar, para ir fundo após as suas transformações, no que foi resultado destas suas regenerações.


O Taurino, que tem a energia celestes de nascimento, precisa aprender a ser Escorpião. Touro no sentido ruim é apegado, ele precisa aprender a se desapegar. Aprender com as experiências terrenas, deixar dissolver tudo que não serve na vida dele, se não se tornará um Taurino apegado.
O Escorpiano pode passar várias experiências voltadas à formação da sua parte material, que é a energia de touro a 180° dele. Todo escorpiano pode passar durante a vida várias experiências ligadas a estruturas que com o tempo ele conseguirá ter. Então tendem a passar desafios materiais fortes até que ele se ache, pois não sabe ser touro ainda.

 

 

GÊMEOS – SAGITÁRIO

O Geminiano é versátil, descolado, curioso por natureza, tem a mente muito rápida. A realidade de sagitário que o geminiano precisa aprender a conquistar está no aprofundamento.
Sagitário é um signo muito filosófico, o signo dos professores, muito firmado no sentido do religare (religar a conexão com Deus), gosta de explorar.


A energia de Gêmeos só fluirá quando o geminiano ter uma filosofia de vida bem estruturada, independente do que for. É preciso encontrar verdadeiramente o que deseja.
O Sagitariano é explorador e filosófico, a carência sagitariana está no sentido real do conhecimento. Muitas vezes pode se tornar doutrinado em uma coisa e não abrir a cabeça. Pode se tornar um fanático em algo que acredita, ser sempre o dono da razão e perder a maleabilidade de Gêmeos, que é o que sagitário precisa aprender a desenvolver para ter força de realização.

 

CÂNCER – CAPRICÓRNIO

Câncer é um signo muito voltado a família, as realidades emocionais.
Já Capricórnio é um signo que gosta de ter objetivo, meta, praticidade em relação às coisas que ele se envolve. Não adianta falar e não fazer. Tudo precisa ter um sentido de realização. Capricórnio é um signo, na astrologia, associado a parte profissional.O Capricorniano é um signo muito objetivo e prático no que realmente quer, precisa trabalhar as realidades de câncer para ter mais sensibilidade emocional.


Normalmente, o capricorniano pode ter animosidades associadas a família, entraves associados ao passado que ele não consegue resolver e pode se tornar uma pessoa dura e muito crítica por não saber trabalhar a energia de câncer.
O Canceriano, que tem a tendência de ter apego familiar, ficar ligado ao passado, pode demorar um tempo até se achar no sentido profissional verdadeiro se não trabalhar a energia de Capricórnio.

 

Novamente, isto não é uma receita pronta, são propensões/tendências que cada signo pode apresentar! A dica é que você busque harmonizar as energias em vocês.

 

LEÃO – AQUÁRIO

Leão é um signo muito firme consigo mesmo, gosta de brilhar, de ser criativo e valoriza muito ele mesmo.
Aquário é o oposto. Ele tem muita firmeza com o coletivo, gosta de interagir com pessoas que têm ideias semelhantes a dele. Se dá muito bem com pessoas que tenham a mesma vibração mental que a dele.


O Leonino pode ter sérios problemas para trocar energias com outras pessoas, não conseguir interagir com o grupo, se sentir injustiçado, menosprezado por outros. Por isto precisa aprender a trabalhar a energia de Aquário e se associar mais às pessoas.
O Aquariano tem muita dificuldade de enxergar o verdadeiro valor que está dentro de si, de ter plenitude.
É propenso a ser uma pessoa com pouca criatividade, não se valoriza, por isso busca grupos que tenham mais sintonia com ele, porém, como ele mesmo não sabe quem ele é, pode acabar sempre com grupos errados. Precisa aprender a trabalhar a energia de Leão, trabalhar o reconhecimento do valor que está dentro dele, no sentido dele aprender a criar através dos próprios valores internos.

 

VIRGEM – PEIXES

Virgem é um signo que representa o lado da terra, do trabalho, gosta de colocar a mão na massa. Gostam de cuidar da saúde e tem um senso de realidade muito grande.
Já Peixes é muito sonhador, gosta de idealizar, de ter propósitos maiores.
O equilíbrio entre estes dois signo está em o Virginiano ter as suas realizações sem perder os sonhos de Peixes. Já o Pisciano deve ter a realização dos seus sonhos com Virgem.


O Virginiano tem a tendência de ser muito Workaholic. Pode se tornar um hipocondríaco (medo intenso e prolongado de ter uma doença grave e preocupação de que sintomas pequenos indiquem algo grave).
Pode ficar imerso no trabalho, só na sua realidade e perder o verdadeiro sentido dos sonhos. O Virginiano nasce com um grande poder de realização, mas precisa aprender a sonhar um pouco mais, abrir a mente e trabalhar a energia de Peixes.
O Pisciano, pode ser muito ligado a assuntos místicos, fica muito imerso em misticismo e fantasia e perde o sentido da realidade. Acredita em todo mundo, sempre quer ver o lado bom e muitas vezes pode ser enganado.
Peixes precisa trabalhar a praticidade de Virgem, ser mais pé no chão e perceber qual é a sua realidade.

 

Este pequeno resumo sobre os signos e seus opostos, a 180° graus de você, é como as energias celestes ou cósmicas enxergam você quando observam a Terra, porque na astrologia nós não temos 12 signos, temos 6 centros polarizados.

 

 

Observando estes pontos, procure avaliar se a parte do seu signo oposto está bem resolvido dentro de você.
Pesquise mais sobre ele, sobre suas características, sua energia. Às vezes, as experiências de vida tendem a nos ofertar oportunidades para enxergar isto e também nos trazer desafios relacionados a energias que não estão bem resolvidas em nós.

 

Para finalizar, ressaltamos, tudo que dissertamos aqui não é uma receita pronta, muito menos algo concreto, como enfatizamos, são propensões e tendências que podem estar relacionadas com você de alguma forma.
O segredo é se observar, se conhecer e entender quais as energias que você deve trabalhar mais para ter mais equilíbrio e plenitude.

 

Que estas linhas contribuam em algo no seu caminho … fraternal abraço … Nilton Schutz

 

PS: Baixe o Ebook de Astrologia gratuito e aprenda mais: https://site.niltonschutz.com.br/ebook-astrologia 

Ebook de Astrologia – por Nilton Schutz